terça-feira, 29 de março de 2011

Uniube será representada em reuniões anuais da SBPC

Prof. Valter Machado é o representante da Uniube na SBPC 2011

O professor Mestre e doutorando em Educação pela Universidade Federal de Uberlândia e docente da Uniube, Valter Machado da Fonseca foi convidado para ministrar dois minicursos nas reuniões da SBPC (regional e nacional) deste ano. Na regional de Catalão (UFG/Catalão), o Prof. Valter Machado será o "O cerrado brasileiro antes e depois da fronteira agrícola", e na reunião nacional de julho, em Goiânia, ele ministrará o minicurso "Sustentabilidade e Educação Ambiental: fragilidades, conflitos e contradições".

A reunião nacional anual deste ano tem uma previsão de 22.000 participantes e a regional tem uma previsão de 2.500 participantes. A reunião regional do Centro-Oeste acontecerá entre os dias 3 e 6 de maio, no Campus da Universidade Federal de Goiás, na cidade de Catalão (UFG/Catalão). Já a reunião Anual será realizada entre os dias 10 e 15 de julho, também na UFG, Campus da cidade de Goiânia (GO).

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) é a maior e a mais respeitada entidade científica da América Latina e suas reuniões anuais são as maiores e mais significativas do continente.  A reunião anual da SBPC é um megaevento científico que envolve debates, apresentação de trabalhos e pesquisas científicas, palestras com pesquisadores nacionais e internacionais, mesas-redondas e minicursos em todas as áreas da produção do conhecimento científico, como as áreas de saúde, biológicas, humanas, exatas, ambiental, geociências, educação, filosofia, artes, dentre outras.

Ementa dos minicursos:

O Cerrado brasileiro antes e depois da fronteira agrícola

Este minicurso advém de uma série de experiências e estudos feitos no Cerrado brasileiro. Discute-se a expansão da fronteira agrícola no bioma, a ameaça à sua biodiversidade e a importância das unidades de conservação na preservação de espécies da flora e fauna do Cerrado. Por intermédio de um olhar diferenciado sobre o atual estágio de degradação do bioma, realiza-se uma leitura crítica e contextualizada deste importante ambiente.

Sustentabilidade e Educação Ambiental: fragilidades, conflitos e contradições

Este minicurso debate o conceito de sustentabilidade socioambiental à luz das discussões travadas a partir das grandes conferências ambientais mundiais. Analisa as raízes dos discursos que tratam da temática, investigando suas fragilidades, conflitos e contradições, à luz da recente catástrofe nuclear no Japão. Ele parte da argumentação acerca das fragilidades e contradições que envolvem as propostas de desenvolvimento sustentável, bem como seus reflexos nas práticas em Educação Ambiental. 

Imprensa | Uniube 

-- 
farolcomunitario | rede web de informação e cultura
coletivo de imprensa